A Mãe Igreja!

29/03/2013 13:01

Nos dias de hoje em que tudo é mais acessível com internet somos bombardeado por falsas informações, seja em relação a saúde onde as pessoas fazem "a dieta" para o corpo perfeito, auto medicação, chegando a até o ponto absurdo de não querer ir ao médico, com imagens manipuladas por software de edições, enfim, tudo atualmente tem um "q" de questionamento.Isto também existe dentro da Igreja, em que pessoas mal informadas, julgam mais entendedoras que aquelas que perseveram na fé!

Muitos são os questionamentos sobre as posições tomadas por Ela em relação a muitos assuntos como: a eutanásia, a pena de morte, o aborto, a pedofilia, o celibato, a castidade e tantos outros.

Para os eleitos de Deus, o questionamento de qualquer atitude da Igreja constitui uma afronta tal qual se fosse a própria Mãe! Quem é sã consciência questiona os ensinamentos da mãe? Esse deveria ser o nosso amor por tamanho ensinamento.

Se queres conhecer um verdadeiro candidato a santo(candidato porque enquanto existe respiro de vida existe luta e sempre podemos cair, quem conhece a história da Igreja sabe do que estou falando)saiba o que ele fala da Igreja e se obedece o que ela manda! Quantos foram que por uma "inspiração divina" cortaram o cordão umbilical que os uniam ao seio de tão amável Mãe?!Que os digam os "Martinhos Luteros" da vida! Quantos foram que por uma "radicalidade maior" cuspiu no rosto daquela que o gerou para a fé?! Que o diga Tertuliano, grande apologeta cristão,por acreditar que Igreja perdeu a radicalidade inicial preferiu se aderir a outras seitas "mais radicais" perdendo assim a graça de ser chamado santo da Igreja de Deus!

Portanto é necessário muito cautela a fala da Igreja e de suas decisões. É preciso muito respeito a sugerir perseguições que Ela faz a seus filhos, pois a Igreja não erra! "EXTRA ECCLESIAM SALUS NULLA"- Fora da Igreja não há salvação!

Infelizmente o católico tem o péssimo hábito de não procurar a verdade e sim de colocar a NOSSA VERDADE. Mas já nos alertava São Paulo: "Para que não mais sejamos meninos, inconstantes, levados ao redor por todo vento de doutrina, pela fraudulência dos homens, pela astúcia tendente à maquinação do erro; antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo nAquele que é a cabeça, Cristo." (Efésios 4.14-15).

Abraçados na proa da Barca de Pedro seguimos em frente, pois a Igreja é Santo como Cristo é Santo!

Por Leonardo de Souza

Voltar